POP Mais nas redes sociais

O que procura?

Celebridades

Britney Spears teria nos dado pistas de que sempre se sentiu enjaulada ao longo da carreira?

Relembrar todos os momentos obscuros da princesinha do pop não é fácil, todo o circo em que a cantora se viu envolta, a batalha travada pelas guardas dos filhos com seu ex-marido, Kevin Federline, as constantes perseguições (sem limites) dos paparazzis em busca de qualquer tipo de cliques que pudessem ser vendidos para as publicações por preços exorbitantes, o julgamento do público que a acusava de não ser uma boa mãe e as cobranças por um corpo perfeito, é algo inimaginável para qualquer ser humano suportar.

O que parecia um caminho sem volta para a garota sonho americano, mudou quando em meados de 2008,  seu pai tomou as rédeas da situação e junto do empresário Larry Rudolph, deu início a conservadoria, algo que seria apenas provisório. A partir daí, foi um retorno grandioso ao cenário musical e grandes feitos, a incontestável ícone, que por muitas vezes foi chamada pelos mesmos veículos que já a apedrejaram, de fênix do pop, viu seu nome brilhar com ainda mais intensidade. Porém nem tudo são glórias e com o tempo, Spears viu sua vida se tornar sem graça, sem emoção e com diversas amarras, algo dito pela cantora em seu, até então mais íntimo, documentário “For The Record”.

Advertisement

Passados alguns anos de sua conservadoria, audiências, visitas médicas e rumores se tornaram frequentes na vida de Britney Spears, mas o que parecia ser superficial, não perceptível para todos, tomou força com as constantes negações do fim da conservadoria, e das notícias vinculadas em seu nome, seja de proibições de usar celulares, dirigir seus próprios carros, uma suposta internação forçada e a recente notícia de que a cantora precisou pedir permissão para casar com seu atual namorado Sam Asghari.

Com essas constantes notícias, as redes sociais demonstraram sua força com o movimento #FreeBritney, que ganhou o apoio de diversos artistas, como Cher, e visibilidade das emissoras norte-americanas, que mostraram fãs da cantora se reunindo e pedindo o fim da extensa conservadoria. Recentemente, o movimento ganhou mais um capítulo com a liberação das imagens promocionais do perfume “Believe”, de 2007. Segundo o insider responsável pelo vazamento das fotos a ideia de pássaros em gaiolas partiu da própria Britney, algo que também chegou a ser confirmado por Alli Sims, amiga da cantora que foi flagrada constantemente ao lado de Spears em seus períodos mais turbulentos.

Advertisement

A partir de então, diversos fãs revisitaram momentos da carreira da popstar, e notaram que sempre havia uma coisa em comum: uma gaiola. Um dos primeiros momentos, foi em 2001, durante a performance da “I’m a Slave 4U”, no VMA, onde a cantora sai de uma jaula logo no início da canção.

Mesmo antes da conservadoria, Britney tinha seu nome envolto em críticas e era constantemente apontada por alguns como apenas um produto fabricado afim de gerar lucro para empresários gananciosos. Com o início da extensa conservadoria, o que parecia apenas um mero objeto de performance, se tornou mais uma constante nos trabalhos de Britney. Como na turnê “The Circus Starring: Britney Spears”, de 2009, onde a cantora aparecia dentro de um jaula rodeada por dançarinos enquanto performava a faixa “Piece of Me”, que fala sobre os excessos da mídia que parecem querer um pedaço da artista.

the circus starring britney spears tour gifs | WiffleGif

Além da turnê do álbum “Circus”, a Britney também utilizou uma gaiola durante a “The Femme Fatale Tour”, de 2011, e em um ensaio para a revista ELLE, na versão descartada do clipe de “Make Me”.

 

Na época do vazamento do clipe gravado por David Lachapelle, o fotógrafo falou sobre o movimento #FreeBritney e suas percepções tidas durante o ensaio para a revista Rolling Stone, de 1999, além de relembrar o comportamento da cantora durante as gravações do clipe de “Everytime”, onde revelou que a direção dada por Spears foi de que ela “queria morrer” nas imagens.

Vale lembrar que, LaChapelle ainda falou sobre a polêmica cena onde a Spears aparece coberta por tinta vermelha e enjaulada. Segundo o próprio fotógrafo, a ideia partiu de Britney, que utilizou a mesma ideia de aprisionamento no ensaio do álbum “Glory”, de 2016, que também acabou sendo descartado.

Vale lembrar que uma nova audiência para reavaliação da conservadoria está programada para acontecer em breve, onde é esperado pelos fãs da cantora que sua liberdade seja finalmente alcançada.

General Britney Spears Discussion | Page 3799 | The Popjustice ForumSerá que dessa vez, Britney ganhará sua liberdade?

 

 

Acompanhe as últimas notícias do canal:

SIGA NOSSA PLAYLIST NO SPOTIFY

Facebook

Anúncios
Anúncios

Bombando!

Música

Na noite desta quinta-feira (20), aconteceu o Grammy Latino, celebrando os grandes destaques da música na região. Indicada à Melhor Canção “Urban”, por “Rave...

Celebridades

Nesta quarta-feira (18) a revista People divulgou sua tradicional lista com os homens mais sexys do mundo, desta vez encabeçada pelo ator Michael B....

Prêmio POP Mais

Foram divulgados neste domingo (22) os indicados à 3ª edição do Prêmio POP Mais. Este ano, a organização ampliou o número de categorias, incluindo...

Anúncios