Abalo Emocional

Abalo Emocional

Te falei: Não confunda as coisas
Melhor nem se apegar
Posso não tá mais aqui quando acordar

Te avisei: Não sou flor que se cheira
Mas essa abelha é teimosa
Me cheira e ainda me beija
Com essa boca gostosa

Tá aí o motivo do meu abalo emocional
Fico ou não fico?
Vou ou não vou?
É lance ou amor?

E aí, chegou pousando na minha revoada
Freou minha boca que era acelerada
Ela é porrada
Oh, baixinha invocada

Chegou pousando na minha revoada
Freou minha boca que era acelerada
Ela é porrada
Oh, baixinha invocada

Conseguiu tirar o mel de onde ninguém tirava

Quando eu te conheci, pensei
Vou dar o golpe, eu que levei
Tentei roubar o coração de uma ladra

Dona da lei, eu não queria te amar, te amei
Eu não queria me entregar, me entreguei
Eu não queria me jogar, eu me joguei
Eu não queria

Tá aí o motivo do meu abalo emocional
Fico ou não fico?
Vou ou não vou?
É lance ou amor?

E aí, chegou pousando na minha revoada
Freou minha boca que era acelerada
Ela é porrada
Oh, baixinha invocada

Chegou pousando na minha revoada
Freou minha boca que era acelerada
Ela é porrada
Oh, baixinha invocada

Chegou pousando na minha revoada
Freou minha boca que era acelerada
Ela é porrada
Oh, baixinha invocada

Chegou pousando na minha revoada
Freou minha boca que era acelerada
Ela é porrada
Oh, baixinha invocada

Conseguiu tirar o mel de onde ninguém tirava

Sugestão de letras

Possui alguma sugestão de letra ou tradução de música?

Luan City

Ficha técnica