Duda Beat é uma heroína vingativa no clipe de “Nem Um Pouquinho”

A cantora Duda Beat - Foto: Fernando Tomaz

Nesta quarta-feira (30), Duda Beat estreou o clipe de “Nem Um Pouquinho”, música do seu mais novo disco “Te Amo Lá Fora”. O vídeo traz a narrativa em que vemos sofrência e um lado mais amargo da desilusão amorosa, que acaba despertando um lado mais vingativo e sombrio da heroína construída e cantada por Duda em seu novo álbum.

“Cada música [do álbum] funciona como o capítulo de um livro. Se em ‘Meu Pisêro’ essa mulher sofria, mas perdoava e seguia adiante, ela já mostra uma outra faceta em ‘Nem Um Pouquinho’. O que acho muito legal e verdadeiro nisso é que a gente vive as relações de maneiras diferentes mesmo. Então, é muito real para mim que agora haja um amargor, uma coisa mais sombria, que leva essa heroína por caminhos mais dramáticos até que ela se liberte”, explica a cantora.

Retratando um universo fantástico, em que nossa heroína tem a capacidade de se transmutar em várias personas para estar com quem ela ama, o clipe traz uma reflexão sobre como muitas vezes abrimos mão de quem somos por alguém. “Se apaixonar é uma delícia, mas nem sempre traz coisas boas. Nesse clipe, falamos de como podemos nos perder de nós mesmas e como pode ser difícil se reencontrar. Mas, ao mesmo tempo, se reconectar consigo mesma é um processo catártico e de renascimento, é se tornar dona de si e se emancipar. Tudo ao mesmo tempo”, pondera Duda.

Trevo, que faz o feat com Duda Beat na faixa, também participa do clipe. “Participar de ‘Nem um pouquinho’ foi um processo necessário para o meu crescimento como artista. Poder observar como trabalha a Duda e sua equipe, tanto no processo criativo como na execução do projeto foi algo que com certeza agregou muito no meu caminhar. Poder sair de Salvador e observar de perto como funciona esse mercado em São Paulo foi outra faceta que pude aproveitar nesse momento”, conta.

“Nem Um Poquinho” é um pagotrap que conta com a participação do artista baiano Trevo. É a quarta faixa de “Te Amo Lá Fora” e a segunda a ganhar um clipe. Com direção é do duo Alaska, mesmo de “Modo Turbo”.