VÍDEO | Mia Khalifa é citada na CPI da Covid e senador sugere: “vamos chamar para depor”

mia khalifa senador cpi covid
Publicidade

O nome da ex-atriz de filmes adultos Mia Khalifa bombou nas redes sociais brasileiras nesta terça-feira (8). Isso acontece após o senador bolsonarista Luis Carlos Heinze (PP-RS) dar mais um show de fake news na CPI da Covid, o vice-presidente da comissão, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), tirou sarro das declarações dele.

Publicidade

O bolsonarista “Rancho Queimado” virou motivo de chacota e, nesta terça-feira (8), foi caçoado por Randolfe. “Parece-me que a Mia Khalifa deveria vir a essa CPI”, brincou Randolfe.

O senador governista havia feito uma referência a uma pesquisa sobre a eficácia de cloroquina feita por uma empresa que tinha como funcionária uma atriz pornô. No entanto, a pesquisa nunca havia citado o nome de Mia Khalifa, como apontou o senador.

Publicidade

“Pesquisadores começaram a investigar e descobriram que a gerente de vendas da Surgisphere era, pasmem, Sras. Deputadas que estão aqui, Srs. Senadores, a gerente de vendas da Surgisphere era uma atriz pornô. Uma atriz pornô. Nada contra ela”, disparou o senador, na ocasião, durante a CPI da Covid.

Rapidamente, então, internautas lembraram de uma postagem feita no início da pandemia por apoiadores do presidente da República. Eles divulgaram uma notícia sobre a pesquisadora Marcela Pereira, com uma foto de Mia Khalifa.

Publicidade

“A pesquisa em Harvard, uma universidade respeitada, e essa pesquisa foi publicada na The Lancet e houve a retratação. Quem pagou essa pesquisa, senador Omar Aziz? Foi um escritório de uma moça, nem citei o nome dela, mas já saiu que eu tinha citado o nome de uma atriz pornô. Eu citei o nome de uma atriz? Só falei que era uma empresa de uma atriz pornô. Como essa moça tem interesse em fazer essa pesquisa de hidroxicloroquina?”, declarou Heinze, em sua defesa.

Publicidade

Mia Khalifa bomba no Twitter

Após ser citada na CPI da Covid, o nome de Mia Khalifa ficou entre os assuntos mais comentados do dia. Os internautas não deixaram passar em branco e repercutiram, principalmente no Twitter.

Sobre Mia Khalifa

Mia, que ficou mundialmente conhecida como fenômeno da indústria pornográfica depois de fazer 11 filmes do gênero entre 2014 e 2015, entrou na brincadeira.

“Eu não sei quem precisa ouvir isso, mas eu não sou uma médica, então não aceite conselhos médicos de memes falsos meu que você encontrou no WhatsApp. Tchau”, escreveu no Twitter.

Publicidade