POP Mais nas redes sociais

O que procura?

Televisão

Sindicato aponta surto de Covid-19 na Globo e cobra medidas de segurança

globo
Foto: Reprodução

O Sindicato dos Jornalistas de São Paulo emitiu uma nota após um surto de Covid-19 atingir a TV Globo. A associação cobrou medidas de segurança da emissora após citar a chegada da variante ômicron e a alta dos casos de influenza H3N2 entre os colaboradores do canal.

“Foram relatados dezenas de casos de covid-19 na empresa nos últimos dias. O Sindicato reivindica a que a emissora teste de maneira imediata todas as pessoas que tiveram contato com profissionais infectados nos últimos dias, além de garantir o home office para aqueles jornalistas com sintomas e que ainda não realizaram a testagem”, diz o texto no site do sindicato.

Publicidade

A associação explica que entrou em contato com as redações enviando um comunicado. Também foi pedido que os jornalistas que testarem positivo para o vírus tenham o “necessário repouso, com a licença laboral”.

Além da Globo, o sindicato ainda revelou contato com a RecordTV e a EBC pelo mesmo motivo. “No final de 2021, a RedeTV! enfrentou uma situação parecida”, apontou.

“Solicitamos à TV Globo que adote o home office para a maior parte dos profissionais que não necessitem exercer seu trabalho presencialmente, além do imediato isolamento daqueles que apresentem sintomas relacionados a doenças respiratórias”, concluiu o sindicato.

Publicidade

Anúncios
Anúncios