CRÍTICA | Com passo firme e coeso, Anitta convida o mundo para “Tócame”

Publicidade

A espera acabou! A explosiva “Tócame“, novo single de Anitta, chegou dando início a uma nova fase na carreira da carioca. Usando uma fórmula, que para alguns pode parecer batida, a música tem tudo o que o mercado latino pede e está consumindo atualmente.

Publicidade

Para uns, pode parecer que trata-se apenas de mais um reggaeton, mas o leque de atributos da música vai além de uma simples reprodução no app de música do seu smartphone. “Tócame” chega em uma época em que a rede social que mais cresce e produz novos hits é uma plataforma de vídeos. E nada mais instigante para um tiktoker – nome dos usuários do TikTok – do que uma música com ritmo, batida e letra viciantes.

Talvez, em um primeiro momento, alguns fãs mais criteriosos façam questionamentos sobre algumas estratégias adotadas para o single, como o clipe feito com drones. Mas é preciso enxergar além da casinha.

Publicidade
CRÍTICA | Com passo firme e coeso, Anitta convida o mundo para “Tócame”
Capa de “Tócame” (Foto: Divulgação)

Anitta recrutou dois pesos pesados do mercado latino-americano para colaborar na música: o duo Arcángel & De La Ghetto. A dupla é pioneira no reggaeton, e explodiram no início dos anos 2000. Parece muito tempo? Pois saiba que enquanto o primeiro emplacou seu single “Sigues Con El” no topo da Latin Billboard recentemente, o segundo recebeu duas indicações ao Grammy Latino em 2019. Eles tem algo que a brasileira precisa pra agora: história. Isso garante pontos para os consumidores de reggaeton no mercado que ela quer focar: os Estados Unidos.

Apesar de já ter feito algumas investidas lá fora, com o projeto “CheckMate” (2017) e o álbum “Kisses” (2019), até agora ela praticamente empurrou o bonde sozinha. Sim, ela possui várias parcerias importantes nesse processo, mas é sabido que para “hitar” lá fora é necessário investimento, ou seja, dinheiro. Para um artista custear essa aventura é muito caro, por isso poucos se aventuram.

Publicidade
CRÍTICA | Com passo firme e coeso, Anitta convida o mundo para “Tócame”
Anitta (Foto: Divulgação)

Agora a história é diferente, Anitta possui ao seu lado a poderosa Warner Records. Mas ela já não era da Warner? Sim! Mas como toda multinacional, a empresa possui uma subsidiária no Brasil, com quem a filha do Seu Mauro possui contrato desde os primórdios de sua carreira. Mas, só agora, uma década depois do pontapé inicial da artista, ela conseguiu o apoio da divisão internacional da gravadora. Vale ressaltar que Anitta já estava pronta para esse passo desde que explodiu no mercado latino com “Downtown“, parceria com J Balvin. Mas, como diz o ditado: “apressado come cru”. Talvez cozinhar um pouco mais regionalmente tenha rendido a ela a experiência necessária para lidar com o exigente e hiper disputado mercado hispânico.

Publicidade

Tócame” surge como a chance mais forte de Anitta finalmente emplacar sua desejada carreira internacional. Prova, por A+B, que a funkeira há muito fora superada e, hoje, tem tudo o que uma diva pop de primeira grandeza precisa.

Desde “Havana“, de Camila Cabello, lançada no distante ano de 2017, não se viu uma música com tanto potencial de hit vinda da região como “Tócame”. A nova era começou com o pé direito! Com um passo firme e coeso, a cantora convida definitivamente o mundo para conhecer o seu trabalho.

Publicidade