POP Mais nas redes sociais

O que procura?

Música

Forbes enaltece impacto da faixa “Mood Ring”, de Britney Spears

Lançada nas plataformas digitais no dia 29 de maio, a faixa “Mood Ring”, de Britney Spears, causou um impacto inesperado, seja por alcançar o topo, por três dias seguidos, do Itunes americano, dividindo atenções com o esperado, álbum “Chromatica”, de Lady Gaga. e a recém lançada “Rain On Me”, parceira da Mother Monster com Ariana Grande.

A faixa, que originalmente pertence ao álbum “Glory”, de 2016, teve seu lançamento nas plataformas digitais apenas quatro anos mais tarde, pois fazia parte da versão japonesa, sendo exclusiva para o mercado asiático.

Advertisement

Britney, que atualmente está em hiato, também se mostrou surpresa com a força da canção, em recente entrevista à Billboard, a cantora agradeceu o apoio que vem recebendo dos fãs e revelou que a faixa é uma de suas favoritas do álbum. Desde então, houve uma expectativa para saber se o registro faria ou não sua estreia na concorrida Billboard Hot 100.

Enquanto a estreia não era confirmada a canção vinha recebendo streamings e charteando em alguns mercados musicais ao redor do mundo. Após aparecer na playlist das “50 virais do mundo”, do Spotify, foi a vez da canção fazer suas estreia na parada de vendas digitais da Official Charts, no Reino Unido, e estrear no top 10 da parada geral da Escócia.

Advertisement

Com isso, a expectativa do debut da canção na parada mais importante do mundo, já estava alta, e sua recente estreia no top 5 da parada Digital Songs Sales, do Estados Unidos, parecia esquentar ainda mais as coisas para os fãs que não sabem quando ocorrerá o retorno da princesinha do pop ao cenário musical.

Com sua esteia anunciada apenas na “Billboard Bubbling Under Hot 100”, na posição #23, a revista Forbes enalteceu o desempenho da canção de Spears que teve zero divulgação e não vem sendo sendo promovida nas rádios. A publicação ainda faz um comparativo com as outras canções da cantora, exaltando sua força e dando grandes méritos aos fãs de Britney, que foram os grandes responsáveis pela expressiva trajetória da canção, mas afirma que dificilmente a faixa deva conseguir fazer uma estreia na parada americana, já que ao contrário de “Make Me” e “Slumber Party”, não deve ser trabalhada pela gravadora por ser um lançamento avulso.

Vale lembrar que apesar de nenhuma confirmação por parte de Spears ou de sua gravadora, o diretor Jake Wilson, responsável por “Truth Hurts”, de Lizzo, deu a entender em suas redes sociais que o clipe da canção deve acontecer.

“Vai rolar sim” revela diretor sobre gravações do clipe de “Mood Ring”, de Britney Spears

 

Acompanhe as últimas notícias do canal:

SIGA NOSSA PLAYLIST NO SPOTIFY

Facebook

Anúncios
Anúncios

Bombando!

A FAZENDA 12

Essa edição de ‘A Fazenda‘ tem rendido vários momentos interessantes para quem acompanha o reality. Agora circula na internet, o momento em que Lipe...

Celebridades

O cantor apagou a foto, mas não antes de viralizar.

Celebridades

O ex-piloto Nelson Piquet colocou em cheque a sexualidade de Ayrton Senna.

Anúncios