Lançado há apenas um mês, “Sour”, de Olivia Rodrigo, já coleciona recordes

Lançado há apenas um mês, "Sour", de Olivia Rodrigo, já coleciona recordes
Publicidade

O tão aguardado primeiro álbum completo de Olivia Rodrigo, “SOUR”, lançado no dia 21 de maio de 2021, não para de surpreender e fazer história. Além de ter estreado em primeiro lugar na parada semanal de álbuns do Spotify Global, onde segue invicto por 4 semanas consecutivas, “SOUR” repetiu o feito no Brasil e deu a Olivia Rodrigo o status de artista internacional que por mais tempo ocupou o primeiro lugar desde que a plataforma passou a divulgar as atualizações semanais do chart de álbuns no país.

Publicidade
Lançado há apenas um mês, "Sour", de Olivia Rodrigo, já coleciona recordes
Olivia Rodrigo – Imagem: Reprodução

Ainda no Brasil, “SOUR” já atingiu a Certificação Platina Dupla e 10 das 11 faixas foram certificadas em apenas um mês de lançamento do álbum. Lançado em 8 de janeiro, o single de estreia, “drivers license” já é Diamante Duplo no país. O segundo e o terceiro singles, “deja vu”, lançado em 1º de abril, e “good 4 u”, lançado uma semana antes do álbum, em 14 de maio, alcançaram o status de Platina Tripla. As faixas “traitor” e “favorite crime”, mesmo não sendo singles, já têm certificação Platina e as faixas “happier”, “brutal”, “jealousy, jealousy”, “enough for you” e “1 step forward, 3 steps back”, já são Ouro no Brasil. A certificação Ouro da faixa “hope ur ok” deve ser confirmada nos próximos dias.

Tendo iniciado sua carreira musical como artista solo em 2021, a estreante Olivia Rodrigo já é de longe a artista internacional mais ouvida do ano no Spotify Brasil, entre homens e mulheres. Olivia também se tornou a artista internacional feminina com o maior número de músicas no Top 200 em um mesmo dia – todas as 11 faixas de “SOUR”.

Publicidade

Esses recordes se somam a tantos outros que a artista tem quebrado no mundo inteiro.  O disco debutou em primeiro lugar na Billboard 200 e já obteve o Certificado de Ouro da RIAA em sua primeira semana. Em sua estreia, o álbum ainda conquistou o topo das paradas no Reino Unido, Canadá, Chile, Dinamarca, Irlanda, Noruega, Holanda, Suécia Austrália, Nova Zelândia, Portugal, Espanha, México e no Brasil. 

Lançado há apenas um mês, "Sour", de Olivia Rodrigo, já coleciona recordes
Olivia Rodrigo – Imagem: Reprodução

Apresentado em maio, “SOUR” também obteve o maior número de streams de áudio nos EUA para um álbum de estreia feminino de todos os tempos e quebrou o recorde do álbum mais transmitido em uma semana por uma artista feminina na história do Spotify, além de ser o mais rápido a ultrapassar um bilhão de streams.  O disco também estabeleceu um novo recorde de streaming de todos os tempos no Official Chart U.K.

Publicidade

Inteiramente coescrito por Olivia, “SOUR” também fez história como o primeiro álbum de estreia a ter duas músicas que entraram no Billboard Hot 100 em Nº 1 – a primeira foi o monumental single de estreia de Rodrigo, “drivers license” e a segunda foi o hit “good 4 u”.

Publicidade

Em janeiro de 2021, a chegada do single de estreia recordista de Rodrigo, “drivers license”, revelou o tremendo poder de sua autoafirmação – e finalmente consolidou seu status como a jovem artista mais promissora a surgir neste ano. A canção estreou em primeiro lugar na Billboard Hot 100, mantendo o primeiro lugar por oito semanas consecutivas e se tornando a primeira em 2021 a atingir um bilhão de streams globais totais e a conquistar os Certificados de Ouro, Platina, Platina Dupla e Platina Tripla pela RIAA. Em abril de 2021, Rodrigo voltou a fazer história na indústria musical com o lançamento de seu single seguinte, “deja vu”, tornando-se a primeira artista a estrear seus dois primeiros singles no Top 10 da Billboard Hot 100. Uma semana antes de lançar o álbum completo, em maio, Olivia apresentou ao público o single “good 4 u”, com uma sonoridade pop punk, bem diferente das baladas anteriores. A faixa acumulou mais de 7 milhões de streams em apenas uma semana e chegou ao primeiro lugar do chart global do Spotify, onde se encontra hoje isolada, com uma diferença de mais de 2.9 milhões de reproduções diárias para o segundo lugar. O clipe oficial teve mais de 35 milhões de views na semana de estreia e já superou a marca de 127 milhões de visualizações.

Publicidade