Evaristo Costa é demitido da CNN, não é informado e descobre assistindo à TV

evaristo costa
Publicidade

A CNN Brasil anunciou, nesta sexta-feira (3), a demissão do jornalista Evaristo Costa. O apresentador estava na emissora desde junho de 2019.

Publicidade

Em comunicado oficial, a emissora justificou o desligamento alegando mudanças em sua grade de programação. “O jornalista contribuiu, até aqui, com seu talento, profissionalismo e carisma para a construção do sucesso da CNN Brasil. A empresa agradece a parceria, reconhece no apresentador um dos maiores talentos em atividade hoje na TV brasileira e deixa abertas portas para oportunidades futuras”, diz o comunicado enviado à imprensa.

No canal, Evaristo comandava o “CNN Séries Originais”, programa de veiculação semanal. Em nota, a CNN diz que encerrou a temporada por “decisão estratégica”. “O programa levou ao ar 99 documentários inéditos e conquistou o Prêmio do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) de Cobertura Humanitária, com o episódio Povos Isolados, exibido em junho de 2020”.

Publicidade

Em suas redes sociais, Evaristo Costa disse que foi informado sobre o fim de seu contrato após ligar para a emissora questionando a ausiência do “CNN Séries Originais” na programação.