POP Mais nas redes sociais

O que procura?

Celebridades

“A loucura de Trump foi um mal necessário”, dispara Lana Del Rey

Donald Trump e Lana Del Rey (Foto: Reprodução)
Donald Trump e Lana Del Rey (Foto: Reprodução)

Lana Del Rey diz acreditar que a “loucura” da presidência de Donald Trump foi necessária para promover mudanças no cenário político norte-americano. A cantora refletiu sobre os quatro anos de mandato e o definiu como uma pessoa “desequilibrada e narcisista”.

Em entrevista à BBC Radio 1, Lana explicou que o governo de Trump precisava acontecer, para que os americanos refletissem sobre alguns problemas reais que afligem o país.

“A loucura de Trump… por pior que fosse, realmente precisava acontecer. Nós realmente precisávamos de uma reflexão sobre o maior problema do nosso mundo, que não é a mudança climática, mas a sociopatia e o narcisismo. Principalmente na América. Isso vai matar nosso mundo. Não é capitalismo, é o narcisismo…”, diz ela em um trecho.

E continua: “Mas, você sabe, eu acho que isso foi, na verdade, tirando o terrível número de mortes, acho que foi um grande alerta. Sua vida não é sobre que tipo de sapato você compra, não é sobre estudar em Harvard ou Oxford. É sobre que tipo de pessoa você é. Se você é um idiota e todo mundo… se você é um idiota e todos dizem que você é, e todos dizem que você é um babaca, então finalmente precisamos resolver este grande problema no mundo: o que fazemos com todas essas pessoas que não sabem que estão machucando outras pessoas? Colocamos todos juntos em uma ilha?”

Lana Del Rey (Foto: Reprodução)
Lana Del Rey (Foto: Reprodução)

Em seguida, Lana chegou a dizer que Trump “não está bem da cabeça”, e que seus seguidores invadiram o Capitólio por precisar “liberar a raiva em algum lugar”.

Anúncios
Anúncios
error: Conteúdo protegido!