POP Mais nas redes sociais

O que procura?

Letras

Letra de “Rolê no Tempo (Wall Hein)” – MC Kevin

Letra de "Menor do Corre" - MC Kevin
Foto: Divulgação

Artista: MC Kevin
Música: Rolê no Tempo (Wall Hein)
Lançamento: 03 de dezembro de 2021

Letra

Publicidade

Fala fellinha, você que trabalha com produção né pai?
Liga lá no DJ Wall, esquece, Wall

O dia inteiro na biqueira
Conto nos dedos, os parceiros que veio pra me alertar
Pra me falar, “acha que sua vida é traficar”?
Passo na mente a rezadeira
Dói o joelho de tanto o seu menino orar
Mãe pode orar, logo essa vida eu vou largar
Eu nasci pra vencer na vida
Hoje ouvindo o meu novo Funk na nave
De pensar na correria
Oi naqueles dia’ que eu tava passando vontade

Eu tô pensando em montar uma máquina
Dar uma volta e um rolê no tempo
Salve pra todos leal’ de quebrada
Que desde menor sabe o que tá fazendo

Os que se foram é só lágrima
Que cai do meu rosto, deixa o sangramento
Rosinha, Chico ‘cês me mata
Saudade no meu coração tá batendo

Vejo dez mil inimigo’ correndo perigo, se o papo
For só lamento
E na direita, mais quinze se finge’ de Judas
É o Guina do momento
Que tá prometendo pra quebrada
A cura do vírus, e não tá tendo
O Bolsonaro é bala, que mata o povo, finge que tá nem vendo
Mata o povo que eu te pego na bala
Vai rajada de palavra’ no peito
Que todo sonho que você tá brincando
Vai voltar pra você em pesadelo
Deus abençoe a nossa rotina
Deus abençoe, peço pra guiar paz pra minha família
Que tá curando as dores
De lembrar que ficou muitas feridas
De lembrei que troquei vidro por flores
Meu microfone apontou pra sua mente
A palavra rasga igual uma bala de doze
É que eu vim da favela
Enjoado porque na infância sempre andei descalço
Salve dali, Kapela, NK, MC Lon, Daleste, sempre inspirado
Cresce mais um maloqueiro do coração puro
Do kit enjoado
Mas que tal lançar o novo Mizuno
A polo da Lacoste, o ‘belo arrepiado
Joga o tanque da Horneteira eu quero ver
A da frente pular
Levanta os vidros do Jaguar pra ninguém ver
Lá dentro os baseado’
Hoje a chuva vai ser de Don Pérignon
Sai pra lá recalcado
Puxa anel, Dior joga no perfume
Do jovem milionário

Hoje ela quer carinho
Mas antigamente ela não queria dar
Hoje joga a buceta no meu show de Funk
Certeza que hoje ela tá querendo namorar com meu Jaguar
Maloqueiro sonhador, sonhando eu já fui traficante

O dia inteiro na biqueira
Conto nos dedos, os parceiros que veio pra me alertar
Pra me falar, “acha que sua vida é traficar”?
Passo na mente a rezadeira
Dói o joelho de tanto o seu menino orar
Mãe pode orar, logo essa vida eu vou largar

Eu tô pensando em montar uma máquina
Dar uma volta e um rolê no tempo
Salve pra todos leal de quebrada
Que desde menor sabe o que tá fazendo

Os que se foram é só lágrima
Que cai do meu rosto, deixa o sangramento
Rosinha, Chico ‘cês me mata
Saudade no meu coração tá batendo

Publicidade

Anúncios
Anúncios