Jair Bolsonaro é condenado por homofobia

Jair Bolsonaro
Publicidade

O presidente Jair Bolsonaro foi condenado a pagar R$ 150 mil, por danos morais. A ação foi motivada por declarações homofóbicas feitas por ele no programa “CQC” , da TV Bandeirantes, em 2011. Na ocasião, o então Deputado disse em entrevista que seus filhos “tiveram boa educação” e que, como “foi um pai presente”, não corria risco de ter filhos gays.

Publicidade

Após a decisão da Justiça do Rio, Bolsonaro havia entrado com embargos no tribunal. Por três votos a dois, os desembargadores decidiram manter a condenação e a pena aplicada. Os valores devem ser corrigidos até a data de execução da condenação.

Leia também: Rodrigo Maia diz achar que Jair Bolsonaro é gay: “Não consegue assumir”

Publicidade

Agora, Bolsonaro terá que recorrer ao STF para não pagar a multa. Vale lembrar que até o último feriado, o presidente atacava de forma corriqueira os ministros do STF.

Confira a declaração que gerou o processo:

Publicidade

Publicidade