Lucas Penteado nega ter feito cárcere privado e agredido ex-namorada: “disse que me amava”

Lucas Penteado

Lucas Penteado, ex-participante do Big Brother Brasil, prestou depoimento na Delegacia de Defesa da Mulher no dia 16 de abril. Segundo o boletim de ocorrência obtido pelo UOL, ele negou que tenha mantido a ex-namorada em cárcere privado ou a agredido.

No depoimento, o humorista afirma que a ex-namorada teria ido à casa dele “sem ser convidada, com malas”. Ele afirma que se posicionou contra ela ficar em sua casa em razão da pandemia do coronavírus, além do fato de oito pessoas morarem na residência, de um único quarto.

Ele declarou que mal ficou com a companheira, uma vez que tinha compromissos profissionais à época. Ela teria ficado quatro dias na casa de Lucas antes de “os pais irem buscá-la”, sob protestos dela.

ANÚNCIOS

“Quando os pais [da suposta vítima] foram buscá-la, ela não queria ir embora do apartamento porque disse que me amava e queria casar comigo. (…) O pai dela a obrigou a ir embora”, disse Lucas em seu relato.

Lucas Penteado afirma que a porta de sua residência não ficava trancada e que a ex sempre esteve com o celular. Diz ainda que, na época, ela foi demitida de um emprego e, para tentar reavê-lo, fez o boletim de ocorrência dizendo que “havia sido raptada”.

Ele afirma que teve um relacionamento amoroso com a suposta vítima por duas semanas, depois de conhecê-la, em fevereiro de 2020.

ANÚNCIOS