Polícia abre inquérito contra Rodolffo após falas racistas direcionadas a João

Polícia abre inquérito contra Rodolffo após falas racistas direcionadas a João

A Delegacia de Crimes Raciais, da Polícia Civil do Rio de Janeiro está analisando as imagens do BBB21 após declarações racistas feitas por Rodolffo.

No último sábado (3) enquanto vestia a fantasia do monstro da semana, o sertanejo comparou o cabelo de João a uma peruca de homem das cavernas.

Incomodado com a “piada”, João expôs ao vivo na noite desta segunda (5), a insatisfação com o comentário do cantor Rodolffo. O desabafo fez com que outros participantes e o público de casa viessem às lágrimas

ANÚNCIOS

“Muita gente aqui pode não saber. Mas no sábado aconteceu uma situação no Quarto Cordel (…) Rodolffo chegou a fazer uma ‘piada’ comparando a peruca do monstro da pré-História com meu cabelo. Isso para mim tocou num ponto específico. Porque o jogo pode ser, sim, de coisas que a gente vive aqui dentro. Mas este também tem que ser um jogo de respeito. Eu te daria mais quatro flechas daquela”, desabafou o participante.

Em nota enviada à jornalista Patrícia Kogut, do O Globo, a polícia confirma estar investigando o crime de racismo contra o geógrafo.

“De acordo com a Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (DECRADI), foi instaurado procedimento para apurar o crime de preconceito racial. Imagens estão sendo analisadas e as investigações seguem em andamento”, diz o comunicado.

ANÚNCIOS

Vale lembrar que além do possível crime de racismo, Rodolffo já tem uma queixa-crime por ofender e manifestar o ódio a comunidade LGBTQIA+. A denuncia se deu após o cantor dizer que Fiuk não poderia usar saia por ser homem.